SAPUCAIA DO SUL/RS

SAPUCAIA DO SUL/RS

domingo, 4 de outubro de 2009

POEMA CONTRA A DISCRIMINAÇÃO




















PRECONCEITO


Quantas vezes todos nós
Já escutamos o nosso coração
E aquela incansável voz
Que nos alerta para a discriminação!?

Para quê pôr de parte?
Para quê discriminar?
Se somos todos iguais,
Não na cor, mas no olhar!

E não importa,
É o interior que interessa
Porque todos pensamos e sentimos
E, em todos nós,
O sangue corre depressa!


As pessoas não querem ver,
Não querem ter a noção
Que temos de lutar em conjunto
Para combater a discriminação.

Vamos esquecer os preconceitos
E parar de apontar,
Afinal todos queremos o mesmo:
Ser feliz e os sonhos realizar!


E, de que vale revoltarmo-nos
Se isso de nada adianta?
Uma vez que todos gostamos de viver
E, a todos, a mesma música encanta!


De que serve privar o outro
De uma existência feliz,
Se não é a nós que isso cabe,Toda a gente diz!

Há que bater o pé,
Há que dizer “não”,
Há que respeitar o outro
Para que prevaleça a união!

E em vez de olharmos para a pele,
Vamos todos olhar para o coração!
E ver o outro como ser igual
Não como um ladrão!



Cátia Pimenta (12º B)
FONTE:http://areaprojecto1.blogspot.com/2007/05/poema-contra-discriminao.html A cessado em 04/10/2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário